Sanduíche de forno delicioso
Marina… Momentos que se foram, Memórias que ficaram…
Tire os sapatos ao entrar em casa
Coque Baixo um Clássico que nunca sai de Moda
Depois dos 40 anos não há depois, é tudo agora!

Você sabe Congelar Cebola?

Tem quem não goste, mas a cebola é um ingrediente famoso nos pratos brasileiros.

Eu gosto de congelar as cebolas conforme a orientação abaixo. O Janinho que cuida de picar a cebola e o melhor de tudo ele não chora kkkkk. Pique tudo direitinho igual chef de cozinha. Muito fofo esse maridão viu!

Então, a cebola pode ser congelada, mas quando sobra aquela metade, por exemplo, não é recomendado colocar direto no freezer nem na porta da geladeira,  sem proteção. Se for usar no dia seguinte, a cebola deve ser guardada na geladeira picada ou ralada em uma vasilha de plástico tampada. 

Para congelar, corte a cebola em rodelas ou pique-a. Coloque a porção em uma vasilha aberta no freezer até congelar. Aí armazene em um pote de plástico rígido ou saco plástico e feche-o retirando a maior quantidade de ar possível. Ao descongelar, é recomendado usar essa cebola para pratos quentes. Para saladas, por exemplo, opte pela cebola fresca.

Em temperatura ambiente, a cebola dura até 5 semanas, sendo que as roxas costumam durar mais do que as outras. Quando é congelada, o tempo de validade aumenta para até 6 meses desde que tenha seguido o procedimento correto para o congelamento.

Deixar um tempero pronto é outra opção que facilita no preparo da comida diária e ajuda a evitar o desperdício.

Anote aí esse temperinho para dar um sabor especial aos pratos:

Triture a cebola até formar uma pasta. Para 1 parte de alho, adicione 3 partes de cebola e 10 partes de sal. Depois de pronto, mantenha o tempero na geladeira. Entre outros benefícios, a hortaliça protege contra infecções do aparelho digestivo e ajuda a diminuir a quantidade de glicose no sangue.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*